' ...

Minha alma tem o peso da luz. Tem o peso da música. Tem o peso da palavra nunca dita, prestes quem sabe a ser dita. Tem o peso de uma lembrança. Tem o peso de uma saudade. Tem o peso de um olhar. Pesa como pesa uma ausência. E a lágrima que não se chorou. Tem o imaterial peso da solidão no meio de outros.

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Perguntas Sem Respostas

Cara,                 pensar é complicado...

te deixa confuso, ou até maluco. 

Pensar em pensar é cansativo.

Sei que existo ao pensar. Será ?
O negócio é questionar! Tenho certeza mesmo de minha existência ao questionar, e vou tendo cada vez mais  certeza de que não queria existir. 

Não nesse mundo.

Talvez nem em outro.

Talvez não agora, ou futuramente.

Gostaria de ter existido, sim, há muitos anos atrás...


Vivo questionando absolutamente tudo, o tempo todo. Desde a hora que acordo até a hora que vou dormir, quando consigo dormir, devido à tantos questionamentos, por muitas vezes absurdos, ao menos na minha concepção. 
Mas, por quê?

Questiono  A ORIGEM. Do mundo, da vida.
Honestamente não obtive resposta até hoje, nem mesmo em minhas doutrinas, e acho que jamais saberei de fato a tão desejada resposta. 
As respostas que dão,  não consigo aceitar. Não vejo razão, nenhuma explicação cabível.

Na verdade, para mim, nada parece ter sentido sem essas respostas.

Não consigo entender como falam em um Deus de tal importância e valores, e vivemos em um mundo com tanta desgraça, mortes por ganancia, corrupção, inveja, ódio. Como pode esse Deus permitir todas essas atrocidades na Terra? Como pode haver desigualdade aos olhos de Deus? Como pode Deus querer castigar? E se somente crianças entram no reino de Deus por serem puras e inocentes, somente elas são e serão reconhecidas por Deus, como é possível ter tanta criança abandonada, passando fome, frio, maus tratos e por aí em diante, enquanto as Igrejas estão recebendo dinheiro, atenção e outras coisas. Para onde vai isso tudo? À fim de quê? Ou quem ? 
Como pode Deus ter tanto valor, tanta razão, e matar tanta gente? 

Pra mim, as respostas se encontram na ignorância humana, que se encontra na inescrupulosidade, "esperteza" e mau caratismos de um povo que se encontra em uma doutrina onde jaz seus valores e ideais de origem, chamada Política.  
OBS.: Falo apenas por meu país.


E pensando, pensando, pensando, concluí o seguinte: existem dois problemas que tomam as respostas e as soluções ao mesmo tempo, Deus e a Política. Pensei mais um pouco e acho que cheguei à conclusão melhor, o problema mesmo é o Ser Humano, seguido de alguns tópicos...

E no final, quem está certo e errado? O quê que é certo e errado? O que eu estava mesmo questionando?


Por que comecei a escrever ?


O que sei é que ainda tenho muito a aprender e a viver. Mas se volto ao início do texto, não sei se conseguirei chegar ao final da vida.



 Vic